Um olhar possível sobre a violência simbólica

  • Lorena Karla Costa Bezerra
  • Rodrigo José Fernandes de Barros
Palavras-chave: violência simbólica, estigma, violência

Resumo

Este artigo discute, a partir de uma posição crítica, o conceito de violência simbólica do sociólogo francês Pierre Bourdieu (1983; 1989; 2001; 2002; 2015). Perseguimos este objetivo, primeiramente, refletindo sobre a violência lato sensu, nas mais diversas abordagens científicas, em um diálogo com os autores escolhidos, que nos ajudam a pensar este fenômeno e, em seguida, na discussão propriamente dita do conceito bourdieusiano. Nossa perspectiva teórico-metodológica amparou-se no materialismo histórico-dialético como utilizado pela socióloga marxista Heleieth Saffioti (2004). Em suma, pudemos ampliar a definição da violência simbólica com a consideração da ação do estigma devolvido àqueles que resistem à dominação simbólica.

Biografia do Autor

Lorena Karla Costa Bezerra

Mestranda pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN).

Rodrigo José Fernandes de Barros

Mestrando pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN).

Publicado
2019-05-02