buscar

Quem Somos


A Verinotio – Revista de Filosofia e Ciências Humanas – é um periódico semestral exclusivamente virtual, indexada no Latindex e está vínculada ao Grupo de Pesquisa Marxologia – Filosofia e Estudos Confluentes da UFMG, formalmente registrado junto ao Diretório de Grupos de Pesquisas do CNPq – Ref.: UFMG.0253, e ao curso de serviço social da Universidade Federal Fluminense - campus Rio das Ostras.


O propósito de Verinotio é difundir produções teóricas e estabelecer intercâmbio entre grupos de pesquisas e investigadores individuais que atuem no campo do marxismo, do humanismo e de concepções filosóficas afins e que desenvolvam reflexões críticas tendo por objeto o desenvolvimento histórico-social das formas de interatividade e de suas expressões ideais (ciência, moral, arte etc.).


Nesse sentido, a linha editorial de Verinotio tem por orientação e parâmetro principais a compreensão conceitual qualificada e lúcida das raízes concretas dos desafios e dilemas da sociabilidade atual, visando à reposição do reconhecimento teórico das determinações categoriais que se articulam e perfazem a vida social moderna e contemporânea. Desse perfilado teorético fazem parte, além da obra de Marx, as formulações filosóficas e científicas que, em convergência ou paralelismo com esta, tiveram e têm por telos a apreensão racional do mundo humano e o enfrentamento das contendas ideológicas em torno dos problemas sociais. Trata-se, pois, de um resgate do humano, de um humanismo crítico no qual se apreenda conceitualmente o complexo de elementos e relações que constituem a vida societária. Totalidade de teor, em certa medida, contraditório, que enlaça o desdobramento das possibilidades humanas, virtualmente infinitas, de objetivação e de cultura com uma imensidade de mazelas e aporias. Não se tratando, portanto, de um elogio abstrato a uma suposta essencialidade humana, mas de escrutínio cuidadoso e rigoroso dos óbices atuais e das perspectivas de futuro.


A Verinotio – Revista de Filosofia e Ciências Humanas – está aberta à publicação de artigos, resenhas, resumos de dissertações e teses, traduções ou ensaios nas áreas de filosofia e ciências humanas cujas proposições tiverem por escopo o cultivo do pensamento crítico frente à forma social vigente, bem como as suas figurações ideais de diversas ordens. Desse modo, abre-se este espaço às produções teóricas que tematizem questões em torno do desenvolvimento da interatividade social, que tratem das diversas formas de estranhamentos e questões afins, desenvolvam reflexões sobre as ideologias e as atuais formas de degradação da vida. Outrossim, busca enriquecer o debate teórico entre aqueles que desejam encontrar perspectivas de transformação da realidade.